"A Casa de Bernarda Alba" de Benvindo Fonseca






Interpretado por todo o elenco da companhia + bailarinas convidadas
Nas fotos: Ana Santos e Hugo Martins
Fotografia: Rodrigo César

1 comentário:

Sabichão disse...

Cara Ana,
tenho de lhe dizer que adoro o seu trabalho, a sua forma de dançar e de se expressar! Apenas a consegui ver em 2 espectáculos, que ao pé de toda a sua carreira, pouco ou nada significam. Foram as cerimónias de abertura e encerramento do Sarau de Gala do Ginásio Clube Português que durante dois anos colocou a Ana como uma das figuras principais no palco do Grande auditório do CCB. Mas é nestes pequenos espéctaculo que se vê o verdadeiro talento dos bailarinos, porque o que interessa é a dedicação que se entrega a cada projecto, por mais pequeno que seja.
A reacção do público foi sempre melhorando de ano para ano, pois o entusiasmo crescia sempre que viam tão óptimos bailarinos em palco, porém nunca se soube bem quem eram. Mas desde o ano passado que tenho reencontrado esses bailarinos que me fascinaram. Eles trabalham todos como coreográfos no Ginásio Clube Português. O excelentissimo Hugo Martins, que produz as fantásticas aberturas e encerramentos; o jovem Nuno Gomes, um óptimo coreografo cheio de ideias inovadoras; a brilhante Paula Careto, cuja imaginação nunca acaba e agora, venho descobrir completamente ao acaso neste blog a fantástica Ana que interpretou a espantosa "boneca de trapos portuguesa" no nosso sarau em 2006.
Tenho pena que as coisas neste país não sejam tão positivas como a energia que é transmitida com a vossa dança... Não lhe é dado o valor que merece, e por isso não sobrevive, no entanto não deixem morrer essa forma de exprimir que é tão pura e tão bela de se ver e de se sentir.
Os meus melhores cumprimentos e sinceros desejos que tudo corra bem no futuro,
Miguel Cravo